quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

"Sobre a nudez forte da verdade, o manto diaphano da phantasia"
O Largo Barão Quintela e a ironia do bronze

Sem comentários :

Publicar um comentário

Os seus comentários serão apreciados.